Entenda mais sobre a gastronomia molecular

gastronomia-molecular

Imagine se fosse possível dizer porque os seus bolos crescem, qual é a temperatura certa para cozinhar seu ovo ou porque algumas massas bóiam quando são cozidas na água? Essas e várias outras técnicas tradicionais de gastronomia, apesar de serem praticadas por milhares de anos, só começaram a ser completamente explicadas no ano de 1988, quando Hervé This e Nicholas Kurti começaram a escrever as primeiras teorias da gastronomia molecular.

Mas afinal, você sabe o que esse termo significa? Pois é esse é o assunto que vamos tratar nesse post!

O que é gastronomia molecular?

Gastronomia Molecular é o nome dado a um ramo da ciência dos alimentos que estuda todos os fenômenos físicos e químicos que ocorrem nas receitas culinárias que tanto conhecemos. Não podemos esquecer que, muito antes de ser uma combinação de texturas e sabores, a culinária é um conjunto de moléculas e ocorrem reações químicas quando são manipuladas.

Essa área da ciência dos alimentos foi responsável por responder vários questionamentos relacionados à gastronomia e às técnicas culinárias, como, as que citamos no início desse artigo. Muitas perguntas, entretanto, ainda não foram respondidas e, por esse motivo, ainda existe um espaço enorme para novas pesquisas nesta área.

Por que ela foi desenvolvida?

Hervé e Nicholas desenvolveram a gastronomia molecular com o objetivo de conhecer melhor os ingredientes e as técnicas culinárias, a fim de obter o melhor resultado possível na cozinha. Melhores formas de preparar um alimento e de combinar ingredientes são estudadas, praticadas e divulgadas por esses cientistas moleculares.

Porém, não podemos afirmar que a gastronomia molecular é um tipo de culinária, mas sim uma ciência. Dentro da gastronomia molecular é possível estudar ramos como a antropologia culinária, a matemática culinária, a experimentação das técnicas e a inovação, quando acontecem a criação dos pratos que tradicionalmente conhecemos como parte da gastronomia molecular. Essa ciência, que antes só se preocupava em explicar os fenômenos que aconteciam dentro da panela, hoje também explora a relação física-química da alimentação com nosso psicológico.

Existem receitas específicas da gastronomia molecular?

Como discutimos no tópico anterior, a gastronomia molecular pode ser aplicada em vários tipos de culinária espalhadas pelo mundo. Entretanto, as experimentações em laboratório permitiram que Nicholas, Hervé e outros pesquisadores dessa área descobrissem e desenvolvessem novas e exóticas receitas, que exploram o máximo das teorias da gastronomia molecular.

Espuma de chocolate ou pato cozido à vácuo são apenas algumas das receitas que a gastronomia molecular conseguiu desenvolver.

, ,

Ninguém comentou ainda, Seja o primeiro(a).

Deixe uma resposta

ff9754f28a8415bbf9155b0aad97db27rrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr