Como escolher a taça para cada tipo de vinho

tipos-de-tacas-de-vinho

Cada vez mais popular, o vinho requer alguns cuidados para melhorar a experiência de degustação, como a escolha da taça ideal para o tipo de vinho a ser servido. Com diferentes formatos, pesos, material e profundidade, as taças são responsáveis por evidenciar traços aromáticos caso sejam escolhidas corretamente. Se você ainda não sabe qual tipo de taça combina melhor com determinado tipo de vinho, não se preocupe. Fizemos este post justamente pensando em você.

Para vinhos tintos

Com expressões fortes e intensas, tanto de sabor quanto de aroma, os vinhos tintos precisam entrar em contato com o ar antes de serem degustados. Por isso, taças mais arredondadas e grandes são as mais recomendadas, pois oferecem espaço para que esses aromas entrem em contato com o ar e ainda possam ser sentidos por quem estiver bebendo. Uma dica: nunca encha a taça, pois além de parecer algo grosseiro, irá evitar que o processo acima aconteça prejudicando a qualidade da bebida.

Para vinhos brancos

Muita gente liga o consumo de vinho branco às altas temperaturas apenas porque ele deve ser consumido resfriado – geralmente entre 10 a 12 graus para vinhos brancos secos. Mas a verdade é que este tipo de bebida deve ser consumida em todas as estações do ano e o que deve ser mantido é sua temperatura baixa para não correr o risco de que seu gosto fique amargo. É justamente a temperatura que explica o tipo de taça para vinhos brancos: pequena e com bojo menor. Dessa forma, haverá menor troca de calor, mantendo a temperatura ideal da bebida.

Para vinhos rosés (ou rosados)

Esse tipo de bebida é uma mistura entre tintos e brancos. Por isso, acaba agregando características de ambos e influencia diretamente na escolha da taça: pequena (como nos brancos) e com bojo maior (como nos tintos). Essa taças são mais difíceis de serem encontradas. Neste caso, pode ser substituída por uma taça de vinho branco.

Para vinhos espumantes e champanhes

Chamada de flûte, a taça para champanhes e espumantes é mais fina e alta. Com certeza é a mais conhecida entre todas elas por estar sempre presente em comemorações. Seu formato, porém, é justificado pelo fato de fazer com que a bebida siga acima da língua, onde é melhor apreciada, e que o nariz encaixe para sentir diretamente os aromas.

Para vinhos doces

Também conhecidos como vinhos fortificados, essa bebida deve ser consumida em quantidade pequena quando comparados aos outros vinhos – cerca de 50 ml. Por isso, as taças são menores, têm bojo grande e a parte de cima mais afunilada. Assim, a bebida toca primeiro o início da língua, parte em que o açúcar é mais notado.

Agora que você já sabe como escolher as taças para degustar seus vinhos, conte pra gente qual é o seu tipo de vinho favorito.

,

Ninguém comentou ainda, Seja o primeiro(a).

Deixe uma resposta

aaeb5cf6d24b6fca893c3d9a7c2a0241????